Pequenos Gestos
home
"Além do mais, como a morte podia ser “instantânea”? Quanto tempo é um instante? Um segundo? Dez? A dor que ela sentiu nesses poucos segundos deve ter sido horrível. Seu coração foi esmagado, o pulmão parou de funcionar, e não havia nem ar nem sangue em sua cabeça, apenas desespero. Mas que diabos significa “instantâneo”? Nada é instantâneo. Arroz instantâneo leva cinco minutos, pudim instantâneo uma hora. Duvido que um instante de dor intensa pareça instantâneo."
Quem é você, Alasca? (via auroriar)
"Mas é claro que eu gosto de você. Ta escrito na minha agenda, no bilhete colado na geladeira, ta escrito nos muro da minha casa, e tatuado no meu coração. Que coisa, né?"
Obviously, I love you.
"Quanto ao resto, bom… ninguém nunca precisou de restos para ser feliz."
Clarice Lispector
14114
reblog

Já parou pra pensar no que poderia acontecer se você dissesse o que pensa de verdade?

"A gente tem e sempre vai ter a escolha de pegar ou largar, ir ou ficar, se abraçar ou se soltar de vez."
Clarissa Corrêa. 
"Mudaram as estações, nada mudou. Mas eu sei que alguma coisa aconteceu, tá tudo assim tão diferente. Se lembra quando a gente chegou um dia a acreditar que tudo era pra sempre, sem saber, que o pra sempre, sempre acaba. Mas nada vai conseguir mudar o que ficou, quando penso em alguém só penso em você, e aí, então, estamos bem. Mesmo com tantos motivos pra deixar tudo como está. Nem desistir, nem tentar agora tanto faz. Estamos indo de volta pra casa."
Legião Urbana.
C